Desorganização pessoal: como lidar melhor com ela

Quando falamos de desorganização pessoal pensamos em bagunça e coisas fora do lugar. Dificilmente nos lembramos que existem diferentes tipos de comportamentos expressos por ela.

Alguns deles são muito sutis e outros podem causar danos diretos para você e para as pessoas à sua volta.

Os tipos mais comuns de desorganização pessoal que têm seu perigo ignorado por serem considerados pequenos sozinhos ou por serem taxados como personalidade que não pode ser mudada, são:

  • não cumprimento de prazos
  • falta de planejamento de atividades
  • contrair dívidas e/ou acumulá-las
  • atraso constante para compromissos pessoais ou de trabalho
  • nunca saber onde estão suas coisas
  • falar SIM pra tudo que te pedem sem saber se é possível realizar
  • não saber priorizar as coisas em urgentes, importantes e circunstanciais
  • não saber quanto dinheiro você tem no banco

A lista poderia continuar com inúmeros comportamentos desorganizados, mas olhar para estes já é um grande desafio. Em outro momento volto com mais comportamentos que você precisa combater.

Se você já se incomodou, se incomoda ou já foi alertado por colegas de trabalho, parentes e/ou amigos sobre a frequência destes comportamentos, você está no lugar certo.

Meu objetivo no Me Habituei é te mostrar que organização pessoal pode ser treinada, absorvida e transformada em hábito/comportamento e que você não precisa de mágica nem fórmula para isso, podendo desenvolver seu próprio jeito para isto.

Ninguém É desorganizado. As pessoas ESTÃO desorganizadas, cada uma pelo seu motivo. Com esforço, dedicação e disciplina (não necessariamente nesta ordem) você pode reverter este quadro.

Lidando melhor com a desorganização pessoal

Esta é uma reflexão que pode mudar seu jeito de olhar para a sua (des)organização pessoal.

Agora faça uma análise sincera da intensidade de cada um dos comportamentos que listei acima e você pode se surpreender.

Dê uma nota de 1 a 5 para a presença de cada um deles no seu dia-a-dia, por exemplo:

Não cumprimento de prazos: 1 (se você raramente deixa de cumpri-los)
Não saber quanto dinheiro você tem no banco: 5 (se você nunca sabe)

Escolha o item de maior nota e que mais te incomoda e comece a prestar atenção nele nos próximos dias e anote o que percebe quando ele aparece.

Então você usará este conhecimento para estipular suas 3 principais barreiras para vencer este comportamento e fazer a lista dos próximos passos para vencê-las, assim como mostro neste texto.

Caso se sinta confortável, coloque nos comentários os seus resultados. Conte que nota deu para cada um dos pontos citados e indique qual te incomodou mais e que você vai trabalhar nos próximos dias.

Em breve disponibilizarei por e-mail um material com uma proposta de exercício para começar a elaborar o seu jeito de se organizar. Para receber, inscreva-se na newsletter do Me Habituei.

Até a próxima! Siga o Me Habituei no Instagram e no Twitter e boa jornada rumo à organização pessoal.

Leave comment

Your email address will not be published. Required fields are marked with *.